18 de mar de 2009

O Silício


As nossas aulas estão partindo agora para os materiais semicondutores. Assim, o diodo e o transistor serão estudados mais a fundo pelos dias a seguir.
Um grande dilema: o silício é ou não é um semicondutor?
Segundo o Wikipédia, "Foi descoberto por Jöns Jacob Berzelius, em 1823. O silício é o segundo elemento mais abundante da face da terra, perfazendo 25.7% do seu peso. Aparece na argila, feldspato, granito, quartzo e areia, normalmente na forma de dióxido de silício (também conhecido como sílica) e silicatos (compostos contendo silício, oxigênio e metais). O silício é o principal componente do vidro, cimento, cerâmica, da maioria dos componentes semicondutores e dos silicones, que são substâncias plásticas muitas vezes confundidas com o silício." E continua: "É utilizado para a produção de ligas metálicas, na preparação de silicones, na indústria cerâmica e, por ser um material semicondutor muito abundante, tem um interesse muito especial na indústria eletrônica e microeletrônica, como material básico para a produção de transistores para chips, células solares e em diversas variedades de circuitos eletrônicos. Por esta razão é conhecida como Vale do silício a região da California ( EUA ) onde estão concentrados numerosas empresas do setor de eletrônica e informática." Assim sendo, o silício é um material semicodutor, o segundo mais abundante e utilizado pelo homem, na Natureza, perdendo apenas para o oxigênio.

Outras referências:
Sobre o silício
Estudante inventa alternativa aos transistores de silício

Os visitantes podem dar sujestões de matérias, realizar comentários, produzir matérias que acharem interessantes para acrescentar neste Blog.


André Luiz de Menezes Duarte
SENAI - CENTRO AUTOMOTIVO
Rua Santo Agostinho, 1717 - Horto - B. H.
CEP: 31035-480 Telefone: (31) 3482-5609

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário, dúvida ou sujestão. Abraços!